terça-feira, 20 de maio de 2008

Cristo é a rocha sobre a qual construímos a vida!

Nossa vida pode ser digna ou indigna. Vai depender da escolha que fizermos. É preciso tomar cuidado com a auto-suficiência e a pretensão de salvar-nos a nós próprios. Lembremos que a salvação é dom de Deus realizado por Jesus e não simplesmente fruto do esforço humano. Portanto, tenhamos sempre confiança em Deus. Só a fé não é suficiente. Se nosso ato de fé não for acompanhado de ações concretas, ele é vazio e sem sentido. Portanto, fundamentemo-nos sempre na rocha, que é Cristo, e ajamos de acordo com a Justiça do Reino.

3 comentários:

joaquim disse...

«Que vos parece? Um homem tinha dois filhos. Dirigindo-se ao primeiro, disse-lhe: 'Filho, vai hoje trabalhar na vinha.' Mas ele respondeu: 'Não quero.' Mais tarde, porém, arrependeu-se e foi. Dirigindo-se ao segundo, falou-lhe do mesmo modo e ele respondeu: 'Vou sim, senhor.' Mas não foi. Qual dos dois fez a vontade ao pai?» Responderam eles: «O primeiro.» Mt 21, 28-31

Sobretudo sejamos como o primeiro filho e não como o segundo, que afinal representa tantos de nós, que muitas vezes apenas cumprimos preceito, mas nada fazemos, não vivemos a fé.

Abraço em Cristo

Mariana disse...

É verdade Joaquim, muitas vezes somos como o segundo filho: cheio de palavras e promessas, mas nenhuma ação.
Que Deus nos ajude a transformar nossa Fé em obras!
Abraço

Leon disse...

"Lembremos que a salvação é dom de Deus realizado por Jesus e não simplesmente fruto do esforço humano. Portanto, tenhamos sempre confiança em Deus."
Com esses 2 paragrafos acima nos parece que o homem ñ nessecita esforça-se, ao contrai, ele deve esforça-se para mudar suas mais tendências e melhorar mais e mais praticando a caridade que Jesus tamto pregou,amar ao proximo como a si mesmo e a Deus acima de tudo.